Profissional de Coaching

Segundo pesquisa do SEBRAE, 58% das pessoas que tentam ter o seu negócio, desistem no 1º ano e, se considerarmos 3 anos de tentativa, essa estatística sobe para 73%.

E aqui estão 06 motivos principais que contribuem para isso acontecer:

01 – Falta de Planejamento;

02 – Falta de clareza no modelo de negócio;

03 – Falta de pesquisa do público alvo;

04 – Falta de estratégias comerciais e visibilidade;

05 – Não sabem oferecer o seu serviço corretamente;

06 – Busca da perfeição (Acham que nunca estão preparados o suficiente ou sempre acham que falta algo, o famoso “pulo do gato”).

Agora, apesar do SEBRAE (ainda) não ter feito uma pesquisa com os Profissionais de Coach, se considerarmos que o total de Coaches formados hoje, no Brasil, gira em torno de 40.000 a 50.000 versus os Coaches que realmente possuem um negócio sustentável, ou seja, que vivem de coaching, iremos chegar nesse número:

=> 95% dos Coaches ficam tentando e não saem do lugar

=> 4% dos Coaches tem uma frequência razoável de cliente, pingando um aqui e outro ali

=> APENAS 1% dos Coaches realmente vivem da profissão, o que é uma triste notícia, porém uma realidade.

Agora sabendo dessa triste realidade e dos motivos do porque a maioria dos Coaches nadam, nadam e morrem na praia, de qual grupo você quer fazer parte? Nos 95% que falham e desistem? Nos 4% que podemos considerar café com leite? Ou No 1% que realmente faz acontecer?

Fonte:

Eduardo Corrêa
Coach de Carreira
www.coacheduardocorrea.com.br/blog
https://www.facebook.com/suaproximacarreira

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *